terça-feira, 21 de abril de 2015

The Walking Dead - O luto de Sasha fortalecerá a personagem?


Atenção! Este conteúdo contém SPOILERS dos quadrinhos originais e do décimo sexto episódio, S05E16 – Conquer, da quinta temporada de The Walking Dead. Caso ainda não tenha assistido ou lido, não continue. Você foi avisado!

O desenvolvimento dos personagens é um tema recorrente a cada temporada da série, servindo aos propósitos das histórias, sempre com os fracos se tornando fortes em diversos aspectos. Porém, se tem uma personagem que já entrou no show com as suas características bem desenvolvidas, esta se chama Sasha (Sonequa Martin-Green).

No caso desta personagem, alguns podem confundir desenvolvimento com destaque. Desde a introdução de Sasha na terceira temporada da série, as suas características foram logo apresentadas quando entrou na prisão para fugir dos zumbis, mas, principalmente, quando se estabeleceu em Woodbury.

Ela nunca foi uma pessoa paciente, mas sempre foi desconfiada de tudo e todos ao seu redor. Mesmo tendo gritado com Carl (Chandler Riggs) na prisão, ela, depois, se mostrou amável ao ver a bebê Judith com apenas uma semana de vida.

Em Woodbury, mostrou suas habilidades com armas de fogo quando ficou de vigia nos muros da comunidade e, ao lado do irmão, se recusaram a seguir o Governador (David Morrissey) para o ataque à prisão, ficando para trás e cuidando dos mais velhos que residiam no local.

Sasha não se desenvolve, ela tem suas características intensificadas dependendo das situações pelas quais a personagem passa nas histórias, naturalmente se destacando e subindo de posição dentro do grupo. Estas fortes características fez com que a personagem se tornasse um importante membro na prisão durante a quarta temporada da série.

Porém, na última estação do show, o seu mundo desmoronou em um curto espaço de tempo, dando lugar ao que havia de ruim em sua personalidade, sofrendo o risco da queda de Sasha, mas isso somente a fez se destacar ainda mais em cena e dentro da série.

Sasha na quarta temporada da série


“Entramos em formação e fazemos a varredura. Depois já sabem o que procurar. Perguntas?”

É assim que Sasha começa a temporada, como uma líder e membro do conselho da prisão, visivelmente estrategista na busca por suprimentos, na luta contra zumbis e nos planos de fuga, sendo, praticamente, o braço direito de Daryl (Norman Reedus) nestas questões de proteção e administração do local.

No início mostra a sua personalidade forte na tomada de decisões, tendo as suas ordens atendidas até mesmo por Rick (Andrew Lincoln), quando começa o ataque das pessoas reanimadas dentro do bloco de celas.

Nos trilhos, ela é “obrigada” a aceitar a decisão tomada por Maggie (Lauren Cohan) e sempre acatada por Bob (Lawrence Gilliard Jr.). Por baixo da desculpa de buscar proteção, ela esconde o medo em ter perdido o irmão Tyreese (Chad Coleman), mencionando-o bastante no episódio “Alone”.

Depois de perceber que os seus companheiros de caminhada sabem do seu medo, admiti-o para Maggie e resolve seguir para o Terminus. Porém, ela é a única que ao ver a placa do local, questiona que talvez o lugar não seja o que parece ser como está na placa, acertando em uma desconfiança.

Sasha na quinta temporada da série


Sasha estava pronta para uma fugir do Terminus, mas as coisas não saíram como Rick havia planejado, com ela e os demais ainda presos no vagão, mas, mesmo assim, a personagem continuou a se preparar para a saída do local.

Com o sucesso da fuga, ela pode desfrutar do reencontro com o irmão, Tyreese, permitindo-se abrir para o amor, com Bob. Brevemente, Sasha viveu momentos de felicidade ao lado de ambos e do grupo na igreja do Padre Gabriel (Seth Gilliam).

Porém, os zumbis e os sobreviventes do Terminus iniciaram um processo que levou a felicidade de Sasha para longe, provocando uma sequência de acontecimentos, conduzindo ela a um estado de imensa tristeza e solidão.

Depois de Bob ter perdido sua perna e começar a sofrer com os efeitos da mordida de um zumbi, ela descarregou sua fúria matando os canibais, posteriormente chorando a morte do amado. Ao final do dia seguinte, viu Beth (Emily Kinney) morrer na sua frente e cerca de duas semanas depois, foi visto uma entorpecida Sasha enterrando o seu irmão.

Acontecimentos devastadores em sequência num curto espaço tempo fez com que Sasha só precisasse de rãs mortas em seu caminho, zumbis na sua direção e cães ameaçadores para que ela descontasse a sua raiva, além de ser dura com Michonne (Danai Gurira) e Abraham (Michael Cudlitz).

A chegada em Alexandria


Desde o início da temporada foi dado a Sasha parte da história da personagem Andrea nos quadrinhos (interpretada por Laurie Holden e morta na série), com ela sendo a protagonista do arco dos canibais/caçadores e depois de tudo pelo qual passou, acabou indo parar dentro dos muros da comunidade.

Porém, Andrea só precisou sentir o luto normal a qualquer pessoa que perde alguém querido, assumir o posto de vigia e se esquivar das investidas do líder de Alexandria, Douglas, e de seu filho, Spencer, mas sorrindo da situação ao lado de Rick, ainda usando o chapéu de Dale, como um memorial ao amado.

Quanto a Sasha, ela continua a usar o casaco de Bob com memorial a ele e assumiu a torre de vigia. Mas, Alexandria só aumentou o seu transtorno de estresse pós-traumático, explodindo com a ignorância das alexandrinas contra aos perigos provocados pelo apocalipse zumbi e aos quais ela foi vítima.

Ela se aproveitou do posto de trabalho da comunidade para continuar alimentando o seu luto, matando os zumbis nos portões, e, a medida que seu transtorno aumentava, passou a caçá-los, tornando-se um perigo para si mesma.

Em “Conquer”, foi apresentada uma Sasha derrotada que ao tentar enterrar os zumbis que abateu em seu momento de raiva, acabou por deitar-se na cova junto com eles. O que pode parecer um momento de insanidade, apenas representava que Sasha se sentia como uma morta-viva.

Pode ter sido este sentimento que a levou até o Padre Gabriel procurando por ajuda, mas somente encontrou outra pessoa traumatizada que também estava sofrendo contra a perda, a culpa e os traumas causados pelo apocalipse buscando a morte através dos zumbis e descontando a sua raiva.

Mas, pela intervenção e ato de Maggie, ambos encontraram um momento de paz. Aquela cena poderosa das mãos dadas, em oração, poderá vir a ser o início do desprendimento de Sasha do seu luto e do seu transtorno.

Pode ser que na próxima vez que a vermos, Sasha tenha guardado o casaco de Bob, esteja mais centrada no seu trabalho na torre de vigia e quem sabe irá se permitir ao interesse romântico brevemente demonstrado por Spencer (Austin Nichols), assim como Andrea nos quadrinhos.

Será que, apesar de ser ruim no momento, o luto foi mais uma das ocasiões que fortalecerá Sasha e, novamente, a fará crescer dentro do grupo?

The Walking Dead irá retornar com a sexta temporada em outubro de 2015 na AMC e na FOX Brasil. O trailer da temporada, bem como a data oficial de lançamento, será divulgada durante a Comic Con de San Diego em julho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário