quinta-feira, 16 de abril de 2015

Kirkman provoca sobre mortes e o reencontro de grandes personagens na 6ª temporada de The Walking Dead


Robert Kirkman, criador dos quadrinhos de The Walking Dead e produtor executivo da série de tv, esteve no National Association of Broadcasters Show em Las Vegas esta semana, e soltou algumas declarações enigmáticas, ainda que interessantes, sobre a sexta temporada da série e sobre a aguardada série derivada Fear The Walking Dead. Parece que a série deve girar em torno de um importante e aguardado reencontro, e o derivado não será bem um prelúdio, como fomos levados a acreditar. Aqui estão alguns dos destaques do painel com Kirkman:

1. Rick e Morgan

A dinâmica que foi estabelecida no final da última temporada, entre Rick e Morgan, será vital para a sexta temporada, de acordo com o Wrap. “Agora temos um Rick muito diferente e um Morgan muito diferente, que terão um relacionamento completamente diferente”, segundo Kirkman. “E os questionamentos sobre como eles vão interagir, como eles vão trabalhar juntos – se é que eles vão trabalhar juntos – e o que resultará dessas interações, serão basicamente a base da sexta temporada.”

2. A vida de Glenn?

Kirkman e Steven Yeun, que também estava no painel, estavam muito cuidados com relação ao rumor sobre a morte de Glenn na sexta temporada, mas eles disseram que coisas legais acontecerão com ele nessa temporada. Ah, e eles disseram, teoricamente, se fosse pra ele morrer, seria em um cenário do tipo tudo ou nada. “Se eu partir – isso pode acontecer”, disse Yeun. “A maneira como fazemos a série – os roteiristas e todo mundo realmente querem se focar em fazer as coisas de uma forma mordaz e com propósito e com significado. Então se fosse pro Glenn partir, provavelmente será incrível.”


3. Fear The Walking Dead e o surto zumbi

Se você queria saber como começou o surto zumbi, não se anime. “[Descobrir as origens] não é a prioridade em Walking Dead; essa não é a prioridade em Fear The Walking Dead, disse Kirkman, de acordo com a Mashable. “Qualquer outra história lida com isso, e nós estamos preocupados com o coração”. Ele sabe a história, mas nunca a colocou no papel – tamanha a irrelevância que a origem da série tem pra ele. “Não é sobre consertar o mundo, e não é sobre descobrir qual é a causa”, ele acrescentou.

4. Sobreposição Fear – The Walking Dead

Kirkman disse que a série levará a audiência “de volta para um tempo quando os zumbis eram mais perigosos e uma ameaça sempre presente”, de acordo com a Mashable. Parece que essa série terá um foco muito mais centrado nos zumbis, e é “possível que as pessoas que estamos seguindo nessa série sejam um pouco mais mortais”. Fear também será uma série autônoma, e “não é um prelúdio em que no final da série Rick vai acordar do coma”. Na verdade, haverá alguma sobreposição temporal.

The Walking Dead irá retornar com a sexta temporada em outubro de 2015 na AMC e na FOX Brasil. O trailer da temporada, bem como a data oficial de lançamento, será divulgada durante a Comic Con de San Diego em julho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário