sábado, 14 de fevereiro de 2015

The Walking Dead S05E09: 5 coisas que você pode ter perdido em “What Happened and What’s Going On”


[AVISO: Muitos spoilers de The Walking Dead e informações dos quadrinhos. Não avance se você ainda não viu o último episódio, “What Happened and What’s Going On”.]

Finalmente aconteceu, o novo episódio de The Walking Dead foi ao ar depois de uma pausa de dois longos meses e gente, eles não se contiveram. Apesar de o grupo estar completamente reunido depois dos eventos do mid-season finale, quem nós realmente vemos são Rick, Glenn, Michonne, Noah e Tyreese neste episódio, enquanto eles se aventuram por 500 milhas saindo de Atlanta em direção a Richmond, Virgínia.

É claro que nada vem fácil nesse severo mundo pós-apocalíptico, e Noah foi abordado no primeiro episódio da segunda metade da temporada quando o grupo foi até sua comunidade murada apenas para descobrir que ela foi subjugada e que a família de Noah foi morta, inclusive seus irmãos gêmeos. Infelizmente, foi um desses dois irmãos que abocanhou Tyreese e fez dele a terceira grande perda da temporada, seguindo Bob e Beth.

Mas essas foram as coisas que eram realmente impossíveis de perder, e The Walking Dead, sendo como é, conseguiu esconder uma grande quantidade de coisas interessantes que não eram tão fáceis de perceber ao assistir o episódio pela primeira vez. Dê uma olhada nestas 5 coisas que você deve ter deixado passar no episódio 9 da 5ª temporada de The Walking Dead, “What Happened and What’s Going On”.

1 – Tempo ainda é um fator enorme


Nós falamos sobre isso em quase todos os episódios na primeira metade desta temporada, mas o tema do ‘tempo’ ainda está sendo bem focado.

Haviam dois relógios muito obviamente posicionados neste episódio. Primeiro vimos o grande relógio do vovô ou da vovó aleatoriamente jogado na estrada, o que pareceu ser ignorado por todos os membros do grupo, exceto Tyreese que estava mais atrás. Isto quase certamente prenunciou sua morte – seu tempo estava definitivamente acabado, o relógio estava batendo. O segundo relógio estava no rádio que Tyreese ouviu transmitindo no quarto do irmão de Noah (fato engraçado, aquela voz era Andrew Lincoln com seu sotaque verdadeiro!). O relógio no rádio apontava 5:02h, indicando que estamos na segunda metade da 5ª temporada, ou Temporada 5b (b= segunda letra do alfabeto), apesar de que normalmente ele também deveria indicar o número do episódio (que era 9).

Finalmente, enquanto ainda falamos de tempo, a temporada deu um salto de 17 dias desde que vimos o grupo por último no Grady Memorial Hospital, o que faz sentido já que o grupo estava quase em Richmond, tendo viajado por pouco mais de duas semanas para cobrir as 500 milhas. A indicação final do tempo certamente foi o esqueleto na floresta, mostrando que já se passou tanto tempo desde o surto que os corpos tiveram tempo de se decompor até os ossos.

2 – Negan está indubitavelmente chegando


Os fãs dos quadrinhos estão ansiosos em seus assentos apenas esperando que o grupo chegue à Zona Segura de Alexandria, e então a introdução do Grande Malvado da série, Negan. O que é pior é que parece que os escritores de The Walking Dead sabem que estamos aguardando, e estão jogando pistas que nem loucos. Esse episódio deu muitas indicações de que Negan será um personagem e uma verdadeira ameaça muito em breve: Primeiramente, o grupo precisou passar por uma cerca de arame farpado, que cortou a testa de Noah, então vimos Glenn pegar (e mais tarde usar) um bastão de baseball, e finalmente vimos a mãe de Noah que parecia ter sua cabeça esmagada com um objeto bem cilíndrico.

O bastão de baseball e o arame farpado pareciam estar apontando diretamente para Lucille, a arma escolhida por Negan (um bastão de baseball envolto por arame farpado), e o fato de Glenn ter sido quem pegou o bastão, bom, os leitores dos quadrinhos vão entender o significado disso. Talvez Greg Nicotero (que dirigiu esse episódio) esteja apenas brincando conosco, ou talvez esta tenha sido uma prefiguração bem sorrateira. Isso não significa necessariamente que Negan vá ser a próxima ameaça que o grupo encontrará, e talvez ele não apareça até a 6ª temporada, mas os escritores definitivamente querem que vocês saibam que ele está a caminho.

3 – Quem são os lobos


Apareceu apenas de relance na tela por um breve instante, mas “Lobos não muito longe” apareceu pichado em um muro enquanto o grupo entrava na vila. Assim que o grupo olhou em volta ficou bem óbvio rapidamente que a comunidade foi intencionalmente atacada por forasteiros. Incêndios haviam sido causados, pareciam que haviam ocorrido explosões, e pessoas que haviam sido mortas por outra coisa que não walkers.

Então a pergunta é: há literalmente lobos nas redondezas (isso faria muito sentido, certamente as populações de animais estão se expandindo) ou os lobos são outro grupo como os saqueadores que não são nada além de problemas? O que me leva ao próximo tópico…

4 – As cabeças e pernas de walkers


Quando o grupo estacionou a van fora da estrada, eles pararam perto de alguns veículos, mas não se incomodaram em checa-los. Assim que estavam dentro da comunidade de Noah, Michonne se deparou com um bando de braços e pernas que haviam sido decepadas de humanos, não de walkers ou de animais. A descoberta cimentou a decisão do grupo de deixar a comunidade e prosseguir para Washington D.C., mas nós só encontramos as cabeças e torsos pertencentes àqueles membros quando Rick bateu na caminhonete na floresta. Agora, o que fez daqueles corpos sem braços e pernas mais interessantes foram as testas:

Esses W’s significam ‘wolves’ (lobos)? Esses ‘lobos’ tem o estranho exército de meio-walkers que eles usam como armas? Porque eles se incomodam em esculpir coisas nas testas dos walkers, e poderiam essas gravuras ter algo a ver com as gravuras nas árvores que Morgan está seguindo? Eu não tenho respostas sólidas, e adoraria ouvir suas teorias, mas essas não podem simplesmente ser boas notícias para Rick e o grupo.

5 – A comunidade de Noah saiu (quase) diretamente dos quadrinhos.


O último tópico pode ser um que muitos fãs dos quadrinhos devem ter notado: a comunidade de Noah em Richmond, Virgínia, que se chamava Shirewilt, foi, na verdade, baseada em uma importante comunidade murada dos quadrinhos chamada Wiltshire Estate.

De volta à 2ª temporada, Shane e Andrea visitaram uma comunidade suburbana, procurando por Sophia, que havia sido subjugada por Walkers. Apesar de não ser identificada na série, os criadores disseram mais tarde que ela era Wiltshire, e que havia sido colocada como easter egg para os fãs dos quadrinhos. Na época muitos fãs pensaram que esse havia sido um uso desapontador de cenário bastante importante, porém agora, três temporadas depois, os escritores tentaram usar o cenário de Wiltshire em sua capacidade plena, ainda que tenham, espertamente, renomeado a comunidade para Shirewilt.

Qual foi a sua parte favorita do episódio? Deixe tudo nos comentários abaixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário