terça-feira, 18 de novembro de 2014

The Walking Dead Análises: Será que Carol está se tornando a nova Andrea?


[AVISO: Este artigo contém spoilers dos quadrinhos de The Walking Dead nos quais a série da AMC é baseada]

Depois de cinco temporadas na série, Carol (Melissa McBride) evoluiu até se tornar uma das melhores (e não tão secretas) armas de The Walking Dead.

A atriz, que começou na primeira temporada como um personagem recorrente antes de ser promovida a regular um ano depois, recentemente salvou Rick e seu grupo de serem servidos para o almoço em Terminus. E esse é apenas o mais recente triunfo da personagem, que já viveu mais do que sua equivalente nos quadrinhos. Então será que Carol está lentamente se transformando na nova Andrea do drama zumbi da AMC?

Para aqueles que não leram os quadrinhos, Andrea – que era interpretada por Laurie Holden na serie – está viva e bem. A personagem é uma atiradora que, junto com Dale, adota os irmãos Ben e Billy após a morte do pai dos garotos. A AMC remixou a história de Ben e Billy durante a quarta temporada com Lizzie e Mika, com Carol se tornando uma mãe substituta para as meninas após a morte de seu pai. O ápice da história aconteceu quando a claramente instável Lizzie não foi capaz de compreender as novas regras do mundo e matou sua irmã, levando Carol a tirar a vida da menina. (“Olhe para as flores” nunca mais terá o mesmo significado)


“Carol é uma personagem única; seria um desserviço com Melissa McBride dizer que ela evoluiu para se tornar a Carol dos quadrinhos”, disse o produtor executivo e criador dos quadrinhos Robert Kirkman. “A Carol na série é uma criação completamente original que nós vamos continuar a explorar no show com grandes resultados. Todos no time de roteiristas amam essa personagem, e estamos muito entusiasmados com o que Melissa trouxe para a mesa. Ela definitivamente se tornou um personagem na qual prestamos atenção, e temos coisas empolgantes para ela mais adiante.”

A Carol da AMC começou como sua contraparte dos quadrinhos – fraca e dependente de seu marido abusivo, Ed, e uma mãe superprotetora para a filha Sophia. Depois que Ed foi morto por walkers, Carol descontou anos de frustração e espancou-o para evitar que ele reanimasse. Isso iniciou a jornada da personagem para se tornar a guerreira forte e destemida em que Carol se transformou.

Carol certamente ajuda a preencher a lacuna que a morte de Andrea criou. Andrea, que antes era uma advogada de direitos civis, teve uma morte chocante no fim da terceira temporada depois que seu relacionamento amoroso com o Governador (David Morrissey) fracassou devido a sua busca por paz entre Woodbury e os sobreviventes de Rick. Seu personagem nos quadrinhos, no entanto, se torna o interesse amoroso de Rick e, talvez mais importante do que isso, uma grande líder entre o grupo de sobreviventes.

“Na abordagem remixada, existem aspectos de alguns personagens que eu acho que serão divididos”, disse Scott M. Gimple. “Nós temos personagens que não estão mais lá e outros personagens em geral. Eu já posso ver um pouco disso. Tem algo na Andrea dos quadrinhos, não é simplesmente força. A Andrea nos quadrinhos tem uma evolução muito interessante. Havia uma certa audácia e arrogância que ela tinha. Nós vimos ela amadurecer. Eu acho que a jornada de Carol é diferente porque nunca houve aquela arrogância.”

“Carol começou com uma ausência de força com a presença de Ed, e agora ela é tranquilamente um dos personagens mais fortes”, ele acrescenta. “Encontrar a responsabilidade por essa força – eu não quero dar uma de Stan Lee [e sua expressão memorável ‘com grandes poderes vem grande responsabilidade’] – mas eu a vejo muito diferente da Andrea dos quadrinhos, com exceção de que ela é uma boa atiradora”.


E foi essa habilidade que ajudou a salvar Rick (Andrew Lincoln), Daryl (Norman Reedus), Bob (Larry Gilliard Jr.) e Glenn (Steven Yeun) de terem suas gargantas cortadas em Terminus quando Carol provocou uma explosão que finalmente reuniu o antigo xerife e sua filha, entre outros. Quanto a para onde ela irá agora que o grupo todo está reunido, isso ainda vamos descobrir. Mas uma coisa é certa: Carol realmente se tornou uma força a ser reconhecida e um recurso valioso para Rick.

“Muitas pessoas estão dizendo que ela mudou para uma posição de liderança, e eu realmente posso ver isso no futuro pra ela”, disse Gimple. “Mas neste momento ela tem essa mensagem incrível e difícil do universo sobre poder e responsabilidade. Ela está apenas começando sua jornada em direção à liderança; se existe uma, ela tem muito pra superar agora. Eu não estou dizendo que ela vai andar por aí torturada, mas os eventos do episódio 410 [com Lizzie e Mika] são uma coisa incrível para ela. Os efeitos daquilo e como aquilo a muda serão sentidos – e para Tyreese também.”

Você que acompanha os quadrinhos, acha que Carol poderia se tornar uma líder? Quem sabe ao lado de Rick Grimes? Poderia ela facilmente ocupar o lugar de Andrea? Ou estariam preparando ela para – futuramente – assumir o lugar de Maggie no comando da comunidade de Hilltop (O Alto do Morro)? Deixe todos os seus pensamentos e teorias nos comentários abaixo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário