domingo, 7 de setembro de 2014

Os segredos do anúncio de Resident Evil: Revelations 2


Depois do vazamento de imagens na semana passada no site do Xbox, todo mundo estava esperando uma confirmação sobre o lançamento de Resident Evil: Revelations 2. Para o alívio e felicidade de muitos, o rumor se tornou real e mais um título da série está a caminho, depois de um enorme período de jejum.

A Capcom divulgou um teaser conteitual, que não mostra nada do jogo em si, mas, como o próprio nome diz, é só uma visão geral para deixar a gente atiçado mesmo. Embora às vezes pareça que a empresa não faz o dever de casa, eles sabem como instigar a curiosidade dos fãs e, dessa vez, entupiram o teaser com referências da série e algumas mensagens enigmáticas. Confira algumas delas a seguir!


A primeira delas é esse “T” na porta. Bem vindos ao mundo do survival horror! Essa sala está marcada com o T-vírus! Tem certeza que quer entrar? RE6 criou zumbis com o C-vírus, mas será que o velho e bom vírus dos primeiros jogos está de volta?


O primeiro detalhe que chama imediatamente atenção no vídeo são as pulseiras iluminadas. No começo do teaser, elas têm uma luz verde, o que pode indicar que as pessoas não estão infectadas. Será que a gente vai ver esse tipo de detector no jogo?


Foooouuuund yoooou… Quando a gente é convidado para uma festa, a primeira coisa se faz é procurar por rostos conhecidos. Eu não encontrei exatamente um rosto, mas sim um franjão muito familiar. Rachael Foley, um dos personagens mais azarados da série, não podia ficar de fora de uma festa dessas, não é?

A presença da Rachael no teaser pode significar que a personagem vai estar de volta? Difícil dizer, ainda mais com o pouco aproveitamento dela em Revelations. Como a Capcom já disse, vamos ter protagonistas novos. Alguns veteranos podem até dar as caras, mas talvez eles nem sejam o foco. E mais, para Rachael estar presente, Revelations 2 teria que se passar antes dos acontecimentos no Queen Zenobia.


Essa decoração… também tem algo familiar nela. Um quadro, com um navio… Queen Zenobia? Ou quem lembra do Spencer Rain? Retornar aos dois navios é totalmente improvável, mas o tema meio “marítimo” parece estar de volta. É só olhar o site oficial de Resident Evil: Revelations 2: aqui.


Aliás, essa é a imagem do site. A impressão é que estamos dentro de alguma embarcação, observando uma ilha ao longe. Pode ser um efeito de lente de câmera, mas o “vidro” no vídeo tem umas marcas arredondadas que lembram o formato de uma escotilha. Resident Evil tem um bom passado em ilhas, como Rockfort (CODE: Veronica) e Sheena (Survivor).


Um segundo e curto teaser divulgado pela Capcom cita Franz Kafka “Existem incontáveis esconderijos e apenas uma salvação. Mas existem tantas chances de salvação quanto esconderijos”. O aforismo de autor continua, mas não é mostrado na íntegra no vídeo: “Há um objetivo, mas não há caminho; o que chamamos de caminho é hesitação”.  Enigmático, não? Parece que teremos muitos caminhos a serem percorridos, mas somente um será verdadeiro. Existe um objetivo, mas não há forma definida de se chegar lá.

Essa frase indica que Resident Evil: Revelations 2 pode ser um jogo cheio de possibilidades. Será que vamos ver um Resident Evil em mundo aberto? Masachika Kawata já falou dessa possibilidade…


A pista que todo mundo reparou de primeira: a logo da TerraSave, ONG da qual Claire Redfield faz parte. A organização pode estar envolvida na trama do novo jogo, mas será que a queridinha dos fãs estará de volta? Ainda que ela não seja uma protagonista da história, Claire pode ser um personagem do jogo.


Na mesinha bem ao lado da Rachael… a velha e querida erva está convenientemente disposta. Quem pegar primeiro se salva!


E esses dois aí batendo papo? Lembram bastante Barry Burton e Rebecca Chambers. Com o anúncio avisando logo que teremos protagonistas novos, a presença dos dois no teaser dá pontinhas de esperança, mas voltar a vê-los nos games parece algo bem remoto.


Se estiver procurando por uma cura, é melhor pegar o vaso certo. Parece que as flores que deram origem ao Vírus Progenitor, as Sonnentreppe, estão sendo usadas como parte da decoração do evento. Quem é o senhor colocando esse perigo danado na mesinha de canto, hein? Pode ser um indicativo de que o Progenitor estará no jogo, assim como o T-vírus?


Que horas são? Um relógio marca 2h e o outro 7h. Resident Evil: Revelations foi lançado originalmente em 7 de fevereiro de 2012 nos EUA. Será que essa também é a data de lançamento de Revelations 2? O teaser aponta para o começo de 2015, mas sem data definida.


Ela. Sempre ela! Um guarda-chuva discretamente colocado ao lado de uma mesa. É o mesmo comercializado oficialmente pela Capcom com a logo e as cores da Umbrella Corporation. Ainda que a empresa já esteja completamente enterrada, sempre será vista como aquela que assombra todas as histórias da franquia. O guarda-chuva está próximo ao vaso de flores, indicando que talvez a gente vá ver algum legado deixado pela Umbrella. Isso reforça as teorias de T-vírus ou Progenitor.


A melhor referência de todas está nessa pasta carregada pela moça loira (que ainda está de pulseira verde, mas o prognóstico não parece muito bom). Itchy, tasty… “coça… gostoso…”. Referência a um dos files do primeiro Resident Evil, “Diário do Zelador“. Mais uma provável indicação de zumbis clássicos mesmo, criados com T-vírus.


Os zumbis aparecem e as pulseiras se tornam vermelhas. Reparem que a pulseira da moça com a mensagem “itchy, tasty” também mudou de cor.


De longe, essa é a coisa mais intrigante do teaser todo. O que diabos é isso? Parece uma criatura bem estranha. Algo aí me lembra Lisa Trevor, mas pode ser só a vibe de Remake HD, já que é muito improvável que ela retorne no futuro.


Um policial parece pedir reforços. Pode ser um indicativo de que estaremos em uma cidade, e não em um local mais fechado ou isolado como o navio Queen Zenobia. O cenário pode ser exatamente aquela ilha vista ao longe no site oficial. O policial pode ser, ainda, um guarda, vigia ou carcereiro, já que parece que estamos dentro de uma prisão.


Um zumbi parece estar carregando um taco de baseball. Vamos ter zumbis armados de novo, como os de Resident Evil 6? Façam suas apostas!


O pessoal reparou nesses dois vultos, que parecem ser de duas pessoas, uma mais alta e outra menor. Parece um adulto e uma criança, apesar de ser bem difícil de enxergar com definição. Quem seriam? Os dois estão em um ambiente bem diferente do cenário, talvez um outro corredor.


Essa imagem de Revelations 2 vazou na semana passada, quando os rumores sobre o jogo começaram. O lugar lembra bastante uma prisão, indicando que o jogo pode ter esse ambiente como cenário. A parte do vídeo com zumbis lembra bastante uma prisão também. Na principal arte do jogo, o grande olho parece estar atrás de grades. Prisões geralmente têm um circuito interno de câmeras, para vigiar prisioneiros.


No final do vídeo, temos essa tela que tem algumas “marcas” que parecem ser de um circuito interno de câmeras. A frase mais marcante do teaser é “Evil is watching”, algo como “o mal observa”. O jogo pode mesmo se passar dentro de uma prisão, o que leva a pensar em um jogo de gato-e-rato, com o protagonista sendo constantemente observado por algum inimigo oculto.

Olhando o vídeo como um todo, parece que estamos voltando ao passado. O tempo é um fator: podemos ouvir o tique-taque de um relógio. O começo do vídeo é cheio de referências a mídias mais recentes, como primeiro Revelations, Resident Evil 5 e Degeneração. Enquanto isso, a criança corre em direção ao que pode ser o “passado”, quando o barulho do relógio também parece estar acelerado. A última referência a títulos anteriores é justamente o “Itchy, tasty“, que remete ao primeiro Resident Evil. Isso pode não significar um retorno literal às origens como sempre se fala, mas talvez um Resident Evil mais ligado a elementos do começo da história da franquia, como T-vírus, legados da Umbrella e zumbis.

Você encontrou mais alguma referência ou dica no vídeo? Avise nos comentários!

Algumas informações foram retiradas desse tópico do NeoGAF.

Via: REVIL

Nenhum comentário:

Postar um comentário