quinta-feira, 1 de maio de 2014

The Walking Dead - 4ª Temporada: As 4 melhores cenas de Rick Grimes


Rick Grimes (Andrew Lincoln) é o protagonista de The Walking Dead mas, na quarta temporada, nós não o vimos tanto quanto estamos acostumados a ver. Sentimos saudades do “Ricktator” quando ele não estava presente! Ainda assim, as coisas que vimos foram mais impressionantes do que nunca. Começamos a criar muitas expectativas em relação ao Andy Lincoln e ele nunca nos desaponta. Ficamos feliz de saber que Rick estará mais em foco na quinta temporada, mas aqui estão as nossas cenas favoritas do Rick dos últimos 16 episódios.

1. Rick bane Carol, Episódio 4 – Indifference


Nós realmente precisamos de mais cenas entre Rick e Carol Peletier (Melissa McBride) na quinta temporada porque os atores se opõem um ao outro de uma maneira ótima. No quarto episódio, “Indifference”, Rick tinha descoberto o segredo de Carol: Ela tinha matado Karen e David. Ela inclusive admitiu isso quando Rick perguntou. Então ele a levou numa busca por suprimentos nos subúrbios, para afastá-la de todos os outros, ver como ela agiria ao redor dos outros e basicamente dar a ela a versão menos letal do discurso “Olhe para as flores”. Você precisa observar Rick observando Carol naquela casa, quando ela interage com Sam e Ana. Ele está julgando Carol, tentando descobrir o que ela está pensando – como ela age e talvez como ela sobreviverá se ele a deixar para trás.

Nós ficamos chocados depois que Rick começou seu discurso pelos carros e finalmente percebemos o que ele, na verdade, estava fazendo. “Você não é aquela mulher que estava assustada demais para ficar sozinha.”, ele disse para Carol. “Não é mais. Você vai recomeçar, encontrar outras pessoas, pessoas que você não conhece, e vai sobreviver lá fora. Vai sobreviver, sim.”

Melissa é uma rock star com suas reações nessa cena, mas Andy tem nossa atenção enquanto dirige de volta para a prisão. Reveja o quarto episódio e apenas olhe pro rosto dele quando ele está dirigindo, enquanto “Serpents”, de Sharon Van Etten, toca durante nosso choque, raiva e luto nessa grande quebra na família do Team Prison. Os atores tendem a ter mais atenção em grandes cenas – de choro, gritos, muita emoção – mas é necessária uma presença forte para criar esses tipos de momentos quietos.

2. Rick tenta fazer um acordo de paz, Episódio 8 – Too Far Gone


Durante toda essa temporada, Rick era como um aprendiz do Mestre Hershel Greene (Scott Wilson). Hershel queria afastar Rick e Carl Grimes (Chandler Riggs) da violência da ditadura estabelecida por Rick e aproximá-los da luz de uma humanidade mais esperançosa. Então Hershel ajudou a criar o Rick Fazendeiro. Nós vimos as lições de Hershel aparecerem no oitavo episódio, quando Rick fez seu discurso para o Governador (David Morrissey), dizendo que é possível retornar das coisas que fizemos. Nós podemos mudar. “Nós não fomos longe demais.” Hershel parecia orgulhoso. Esse foi o momento final dele no planeta mas, nesse último momento, ele ficou orgulhoso do homem que Rick havia se tornado. O Governador, que poderia ter usado Hershel como mentor, não estava acreditando naquilo. Depois que Hershel foi morto, Rick lutou com o Governador e basicamente foi agredido, então desmoronou com um luto renovado quando parecia que ele tinha perdido sua filha, Judith. Mas, por um momento, ele nos convenceu com a ideia de que a paz era possível, mesmo entre inimigos.

3. Rick mata em sua busca por salvação, Episódio 11 – Claimed


Naquela época, nós não fazíamos a mínima ideia de que a casa “Claimed” seria tão crucial. Rick deveria descansar com Michonne (Danai Gurira) e com Carl na busca por suprimento dos dois. Em vez disso, a casa em que Rick estava foi invadida por Joe e seus Saqueadores, criando um episódio incrivelmente tenso em que Rick precisou matar para se libertar. Aquela cena embaixo da cama, em que Rick viu o tipo de pessoa com quem ele estava lidando e ouviu os planos para a mulher que se juntaria a eles – foi horrível assistir. Rick resolveu os problemas com suas próprias mãos e estava prestes a matar Joe para proteger Carl e Michonne, antes de Joe sair correndo para encontrar seu amigo transformado recentemente em zumbi. Nós sabemos que Rick não é um cara ruim e entendemos porque ele teve que fazer o que fez, mas nós conseguimos entender porque o grupo de Joe achou que a culpa era de Rick. Coitado do Lou. Que maneira horrível de morrer…

4. Rick morde de volta, Episódio 16 – A


O Rick Fazendeiro foi morto e enterrado no décimo sexto episódio, especialmente depois que os Saqueadores de Joe apareceram e tentaram machucar Carl. Você não mexe com o mini Grimes sem olhar para as flores. Rick reagiu imediatamente. Ele não apenas matou os Saqueadores de Joe: ele mordeu o pescoço de Joe – como se fosse um “walker vivo” – e esfaqueou o cara que tentou estuprar Carl. Rick ficou verdadeiramente violento naquela cena, conforme o prometido, e o próprio Andy também foi muito metódico. Quando chegou a hora de gravarem a cena da mordida no pescoço, Andy disse que mordeu frango cru porque era o mais próximo da carne. O Rick Hippie pode nos fazer acreditar na paz e na camaradagem, mas o “Rick Modo Besta” é o cara que nós amamos mais. Rick ficou com a última fala na temporada e mesmo que não tenha recebido o efeito bombástico merecido, a mensagem de Andy foi alta e clara: “Eles estão mexendo com as pessoas erradas.” Sim! Mas que ótimo momento para o personagem durante sua longa evolução na temporada. Mal podemos esperar para ver mais desse cara em outubro.

Quais foram as suas cenas favoritas de Rick na quarta temporada? Deixe todos os seus pensamentos nos comentários abaixo.

The Walking Dead irá retornar com a quinta temporada em outubro de 2014 na AMC e na FOX Brasil. O trailer da temporada, bem como a data oficial de lançamento, será divulgada durante a Comic Con de San Diego, em julho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário