quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Seis funções conceituadas que não irão valer nada no Apocalipse Zumbi


Uma das coisas muito, muito interessantes no livro "Guerra Mundial Z" é a forma de como uma sociedade onde o vírus zumbi é uma realidade, deve fazer adaptações para sobreviver.


*SPOILERS*

No livro, após o fim oficial da guerra contra os zumbis, a sociedade aos poucos vai sendo reconstruída e a ameaça zumbi, agora controlada, paira sobre a humanidade como uma sombra do passado.

Um dos pontos legais é que em certa parte do livro, um dos sobreviventes responsáveis por organizar as novas cidades reclama da forma como a antiga sociedade possuía diversos elementos em funções "meio", que não possuíam nenhum valor para um novo mundo. Um pedreiro no apocalipse zumbi vale por mil burocratas que sequer sabem bater um prego.

O cargo ocupado pouco irá importar quando estiver entre um grupo faminto e desesperado de sobreviventes. Em um grupo, cada um deverá mostrar o seu valor e contribuir para a sobrevivência do coletivo. Aqueles que acharem que não são feitos para o trabalho braçal se tornarão párias e contarão apenas com a generosidade alheia para conseguirem comida e abrigo.

Dito isto, podemos facilmente perceber que alguns profissionais de hoje, altamente especializados, que por sorte sobrevivam tempo o suficiente para participar da reconstrução da sociedade terão que ser recolocados com funções braçais, muito necessárias neste árduo e demorado trabalho.

1) CEOs (Chief Executive Officer)


Salários milionários, salas gigantescas, secretárias deliciosas e o poder para destruir vidas em segundos. Um CEO é o manda chuva de uma empresa. Responsável pela tomada de decisões, ele pode fechar setores e desempregar milhares de pessoas em uma só canetada. O passe deles entre empresas algumas vezes pode ser negociado como o de jogadores de futebol.

Entretanto, estes poderosos homens (e mulheres) de negócios, quando originados de famílias nobres, muito pouco sabem sobre a dureza da vida. Acostumados a ter todos os seus desejos atendidos em segundos e a jamais serem questionados, sentirão duramente a chegado do apocalipse zumbi.

2) Gênios da Informática


Atualmente, figuram entre os homens mais ricos do planeta. Possuem conhecimento técnico e criativo para abastecer a vida daqueles com muito, tempo livre e para criarem sistemas destinados a otimizar o trabalho humano, tornando-o imensamente mais produtivo.

Mas quando a sociedade cair, provavelmente serão aqueles que mais sentirão o baque, já que sua principal ferramenta de trabalho se tornará nada mais do que material para fogueira. Não existirá qualquer uso para seus talentos em uma nova sociedade onde eletricidade se tornará uma doce lembrança do passado.

3) Advogados


Assim como CEOs, as empresas de hoje não podem se imaginar sem estes profissionais para as atividades do dia. Essenciais para a resolução de conflitos em uma sociedade tão dinâmica e globalizada, os advogados são mestres em encontrar meios para atender aos desejos daqueles que podem pagar, encontrando brechas na lei.

Entretanto, no apocalipse zumbi, não poderão contar com o poder coercitivo do Estado ou com leis que protejam direitos ou propriedades. É a lei do mais forte, e não a do com melhor habilidade dialética. Isso por si só trará aos advogados graves problemas quando tentarem enrolar alguém maior, mais forte e com menos paciência para ser ofendido por palavras em latim...

4) Políticos


Apesar de haver o risco de se unirem aos zumbis para continuarem o seu árduo trabalho de consumir cada centímetro de nossa sociedade, é mais provável que mesmo os mortos vivos não tolerem as companhias destas terríveis criaturas.

Possivelmente, tentarão ocupar o mesmo tipo de posto na sociedade quando se juntarem a um grupo de sobreviventes, coisa que deverá ser imediatamente impedida. Para a segurança de todo o grupo, deverão ter as línguas cortadas e mantidos isolados nos trabalhos braçais mais cansativos. Não fique com pena, caso dê a eles a oportunidade, poderão provocar a queda de qualquer grupo de sobreviventes em que estiverem inseridos, levando aqueles mais influenciáveis na lábia. Líderes sábios saberão exatamente como lidar com essas tentativas...

5) Corretor da Bolsa de Valores e Economistas em geral


Assim como os CEO's, a missão destes é a de observar cuidadosamente o andamento da economia, para que possam realizar investimentos bem estudados e conscientes, sempre pensando no bem estar de seus clientes, geralmente especuladores da bolsa.

Durante o apocalipse zumbi, a economia irá regredir profundamente para os meios de troca e escambo, ou seja, você só é tão rico quanto à sua capacidade real de produção e a especulação será muito, muito reduzida, tornando os corretores bem desnecessários pelos próximos 200 anos pós-guerra zumbi.

6) Ex-BBB's


Ok. Talvez eu esteja usando o termo "altamente conceituados" em um sentido muito, muito amplo aqui, mas consideremos que estas pessoas hoje são referências de comportamento e estilo de vida para muitos pessoas de nossa sociedade...

No mundo zumbi, o valor destas pessoas se resumirá ao que realmente são. Claro, alguns possuem profissões pré-show que os ajudarão a se recolocarem no novo mundo em posições de necessidade, mas sem qualquer referência a sua vida pregressa de sub-celebridade.

A verdade é que boa parte deste grupo, caso insista em sustentar qualquer regalia de acordo com essa sombria vida pregressa, deverá ter o mesmo destino dos traidores e dos zumbis...

Nenhum comentário:

Postar um comentário