sexta-feira, 22 de março de 2013

A Volta dos Mortos-Vivos 3 (Return of the Living Dead Part 3, 1993)

Terceiro filme da coleção A Volta dos Mortos Vivos (confira o primeiro e o segundo filmes), os mortos estão de volta e dessa vez é por amor, quando Brian Yuzna assume a cadeira de diretor e cria seu Romeu e Julieta zumbi.


É uma boa sequência, que apesar de modificar um pouco a trama, resgatando o gore perdido no segundo filme. Sem contar que nos trás uma nova diva zumbi, com um visual louquíssimo.


Sinopse

Curt e sua namorada Julie descobrem que a base militar da região está fazendo uma experiência secreta com o gás Trioxin, o mesmo que trouxe os mortos à vida nos filmes anteriores. Quem coordena a pesquisa é o pai de Curt, e a intenção é usar o gás como arma de guerra para que os zumbis devorem os inimigos. Quando Julie morre num acidente, Curt a leva para a base militar para ressuscitá-la com o gás, e ela se torna uma zumbi devoradora de carne humana. Ainda assim, Curt quer mantê-la viva e precisa fugir do exército, que quer matar a garota, e de uma gang de motoqueiros com a qual se encrencou.

Ficha Técnica

Diretor: Brian Yuzna
Elenco: Melinda Clarke, J. Trevor Edmond, Kent McCord, Sarah Douglas, James T. Callahan, Basil Wallace.
Produção: Roger A. Burlage, Lawrence Steven Meyers, Gary Schmoeller, Brian Yuzna
Roteiro: John Penney
Fotografia: Gerry Lively
Trilha Sonora: Barry Goldberg
Duração: 97 min.
Ano: 1993
País: EUA
Gênero: Terror
Cor: Colorido
Distribuidora: Não definida

Trailer


Curiosidades

- Mudanças nas regras de zumbificação: Nos dois primeiros, só virava zumbi quem era afetado pelo gás-levanta-defunto, porém nesse terceiro filme, a mordida também é contagiosa.

- Zumbis comem de tudo!: Outra situação diferente é que, apesar deles preferirem cérebros, eles estão mordendo qualquer parte do corpo.

- Humor e musa zumbi: Talvez a principal mudança seja a ausência do humor negro, característico da franquia (e que levou o segundo filme praticamente nas costas). O tom mais sério dá espaço à algumas cenas mais "sexys", com destaque a Melinda Clarke, a atriz que interpreta a protagonista semi-zumbi, que consegue esbanjar promiscuidade até no auge de sua zumbificação, onde aparece toda cortada e com ferros. Tem uma pegada meio sadomasoquista, que irão agradar a muitos.

Imagens












2 comentários:

  1. Adorava esse filme qdo criança.

    ResponderExcluir
  2. adorei o filme! Assisti 4 vezes no cinema e 2 na tv!- José Ivan.

    ResponderExcluir